domingo, 18 de agosto de 2013

Jardineira de Galinha | Dona Maria Rosé 2012




Meia galinha, limpa de algumas gorduras e cortada em pedaços. Fundo de azeite no tacho e leva-se a galinha a alourar. Junta-se uma cebola picada, alho esmagado e picado, pimenta e malagueta a gosto, sal qb e deixa-se em lume médio até a cebola estar translucida. Vinho branco a cobrir a carne e deixa-se estufar em lume brando até a carne estar a começar a ficar macia (dependendo da galinha, pode demorar uma hora e meia a duas horas); nessa altura junta-se cenoura em rodelas, ervilhas e batatas. Acrescenta-se um pouco de vinho branco se necessário e deixa-se vinte minutos a meia hora a fervilhar em lume brando.

Acompanhei com um vinho muito porreiro, bem feito e com boa aptidão gastronómica, o Dona Maria Rosé 2012, de Julio Bastos com enologia da Sandra Gonçalves. Bebe-se bem a solo ou a acompanhar entradas ou saladas e não virou nada as costas a este prato mais forte. Fresco e muito agradavel de beber. É feito com Aragonês e Touriga Nacional e é uma bela escolha, ao preço (cerca de sete euros). Gostei muito.


Sem comentários:

Publicar um comentário