domingo, 26 de janeiro de 2014

Massada de Pata Roxa




Pata Roxa é um pequeno tubarão da costa que fica muito bem numa caldeirada, mas que também faz uma bela duma massada. 

Comprei um peixe inteiro, já arranjado e cortei-o às postas. Deitei um fundo de azeite num tacho e juntei cebola picada, alho esmagado, tiras finas de pimento vermelho, sal, pimentas misturadas e uma malagueta seca moída. Deixei refogar uns minutos, juntei polpa de tomate, envolvi e refresquei com um copo de vinho branco. Deixei a estufar um quarto de hora em lume brando e juntei o peixe e água a ferver a cobrir tudo. Mais um quarto de hora em lume brando e estava na hora de juntar a massa e deixar cozer mais doze minutos. No fim, polvilhei com um pouco de salsa picada, envolvi e servi.


E para acompanhar este prato tradicional da Beira Litoral, escolhi o Pai Abel 2011, aka Chumbado, da Quinta das Bágeiras. Quase um ano depois de ter falado dele aqui, noto-o ainda a crescer, naturalmente, mas um bocadinho mais afinado. Um vinho enorme!!!

1 comentário:

  1. Parece que a sua receita, face às outras já apresentadas, é Muito Apelativa e com premissas deliciosas... vou esperimentar!!!

    ResponderEliminar