quinta-feira, 26 de Abril de 2012

Quinta do Gradil Touriga Nacional & Tannat 2009

Este é o segundo vinho da Quinta do Gradil provado recentemente (o outro foi o Cabernet Sauvignon e Tinta Roriz, aqui). Nunca tinha provado nenhum vinho feito com Tannat e devo confessar que este foi uma boa surpresa. É um vinho roxo escuro, retinto e quase opaco, cheio de notas de frutos vermelhos e pretos, com taninos bem marcados (a pedir algum tempo de guarda), pouco marcado pela madeira (estagia 12 meses em barricas de carvalho francês) e muito bom na boca, pleno, balsâmico e com boa acidez. Muito interessante este blend do Tannat com a Touriga Nacional. Tem um preço a rondar os € 12,00. Ainda está a evoluir, pelo que alguma guarda será aconselhada sem prejuizo de o provar desde já.


É um vinho com boa aptidão gastronómica. Experimentei-o com uma galinha assada no forno (barrada com uma mistura de banha de porco, alho, sal e pimenta preta - como no molho do leitão - e vai ao forno a cerca de 170º C com batatas novas com a pele e um fundo de vinho branco no fundo do tabuleiro de barro. Durante a assadura, vai-se virando e regando a carne com o molho que se vai formando. O tempo de forno depende da idade do galináceo. Quando está quase pronto, finaliza-se com a pele para cima, para  ficar mais estaladiça) e gostei muito da forma como a gordura do molho foi "anulada" pela estrutura e taninos do vinho. Ligou muito bem também com uma fatia de queijo amarelo da beira baixa entre a galinha e a sobremesa. É capaz de ser uma bela companhia para uma chanfana :)  

4 comentários:

  1. E eu, que costumo retirar a pele aos frangos e às galinhas (taditas...), seria capaz de comer esta tão tostadinha!
    Espero que o frango que tenho no forno, seguindo fielmente a receita desta me fique co este bom aspeto...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar