quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Márcio Lopes, um Vigneron



 
O Márcio é um jovem enólogo (tem 33 anos) que trata a região dos vinhos verdes por tu (trabalhou com Anselmo Mendes) e tem no seu portfolio os Pequenos Rebentos, desde 2010. Alvarinhos, Alvarinhos com Trajadura são a sua imagem de marca já lá vão mais de cinco anos. Mete os vinhos no mercado (muito restrito) a tempo e horas, mas guarda algumas garrafas para lançar mais tarde (caso do Alvarinho 2010 Edição limitada, lançado recentemente e já esgotado) para que se perceba que os grandes vinhos brancos de Portugal precisam de tempo para se mostrarem.
 

 
 
E no Douro também faz belos vinhos, como o Proibido, o Permitido e os Ensaios Soltos, um branco de viozinho de 2011 e um tinto de tourigo de 2010 que deslumbram.
 
Vinhos sem maquilhagem, a mostrar a origem, o terroir, com enorme aptidão gastronómica.
 

1 comentário:

  1. Tive a feliz oportunidade de provar tudo e de tudo gostei, muito!

    ResponderEliminar